Radiologia Especializada

ATENDIMENTO AO CLIENTE
E AGENDAMENTO DE EXAMES

(16) 3913.4584

(16) 3913.6555

(16) 99615.1601

Notícias

» mais notícias

Outubro Rosa: detecção precoce e saúde

19/10/2018



Mundialmente difundida, a campanha Outubro Rosa busca promover a conscientização, o rastreamento e a detecção precoce do câncer de mama. Alinhada à mesma causa, a Radiologia Especializada oferece exames de imagem da mama com qualidade e alto padrão de atendimento, no qual humanismo e tecnologia em saúde são colocados em primeiro lugar.

Como fatores de risco para o desenvolvimento de câncer de mama destacam-se: idade avançada (especialmente acima de 50 anos), história familiar positiva,  menarca precoce, nuliparidade (não ter filhos), menopausa tardia (após 55 anos), excesso de peso, tabagismo e consumo de álcool. 

A mamografia é o principal exame de rastreamento para o diagnóstico precoce do câncer de mama a partir dos 40 anos. De acordo com as recomendações do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem e com a Sociedade Brasileira de Mastologia, o rastreamento mamográfico é recomendado anualmente com mamografia para mulheres entre 40 e 74 anos. 

Por outro lado, a ultrassonografia das mamas pode ser realizada para avaliar pacientes jovens, gestantes ou lactantes com alterações clínicas na mama, nódulos palpáveis em mamas densas, avaliação de implantes mamários e para diferenciar ou caracterizar nódulos sólidos e cistos identificados pelo exame clínico e pela mamografia. 

A ressonância magnética pode ser indicada como método adjunto da mamografia e da ultrassonografia na detecção, caracterização e planejamento terapêutico do câncer de mama, no rastreamento de mulheres com alto risco para câncer de mama e na avaliação da integridade dos implantes mamários.

Como responsável pela área de imagem da mulher, a Radiologia Especializada conta com a Dra. Flávia Lemos de Oliveira (CRM: 93.592), especialista em Radiologia e Diagnóstico por Imagem pelo Colégio Brasileiro de Radiologia, membro da Sociedade Paulista de Radiologia e da Sociedade Latino-Americana de Ultrassonografia. A especialista foi colaboradora do setor de mamografia do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto (HCRP-USP) e fez parte da equipe de Radiologia Mamária da Dra. Selma Bauab (CRM: 37.701), de São José do Rio Preto. “Os principais benefícios do rastreamento são a redução da mortalidade pela doença, a melhora na qualidade de vida, redução da necessidade de cirurgia mutilante e tratamentos menos agressivos. O rastreamento mamográfico salva vidas”, finaliza a especialista. 

Me chame no WhatsApp Agora!